Abdominoplastia ou Cirurgia de Abdome | Clínica Landecker

Recebemos sua solicitação. entraremos em contato em breve.

Obrigado!

A abdominoplastia ou cirurgia de abdome é um procedimento indicado para pacientes com flacidez da pele, acúmulo de gordura e fraqueza muscular no abdome.

O abdômen é uma região muito sensível para mulher, especialmente após a gravidez. E este é um dos motivos que contribui para a busca por cirurgias plásticas na barriga estar sempre em alta nos consultórios de cirurgia plástica de todo o Brasil.

Clique na imagem abaixo e assista ao vídeo para entender mais sobre o procedimento:

Como é feita a cirurgia de abdominoplastia?

A cirurgia de abdominoplastia é feita a partir de uma incisão, que nada mais é do que uma cesária estendida para os dois lados.

Por meio da incisão realizada, o cirurgião corrige a frouxidão da musculatura da parede abdominal e remove os excessos de pele e gordura da parte inferior do abdome. A combinação destas técnicas oferece um abdome plano e pode afinar a cintura. Em pacientes com grandes excessos de pele, uma segunda incisão deve ser realizada ao redor do umbigo, que voltará à sua posição normal no final da cirurgia.

As estrias presentes na região abaixo do umbigo são normalmente removidas junto com os excessos de pele. Por outro lado, estrias localizadas no andar superior do abdome (acima do umbigo) não podem ser eliminadas usando esta técnica. Ao final da cirurgia, drenos são colocados abaixo da pele para evitar coleções de líquido durante a recuperação.

A abdominoplastia pode ser substituída por uma mini­abdominoplastia quando há excessos de pele e gordura somente na região abaixo do umbigo. Ainda que as duas técnicas sejam relativamente semelhantes em relação aos princípios de tratamento, as cicatrizes resultantes são normalmente menores, devido à remoção mais econômica de tecido.

A abdominoplastia apresenta um grau enorme de satisfação, pois ela restaura a autoestima do paciente e possibilita o retorno às atividades normais, como ir à praia, realizar atividades físicas e ter boas relações com seu próprio corpo.

A Técnica

01

Indicação

A abdominoplastia é indicada em pacientes com flacidez da pele, acúmulo de gordura e fraqueza muscular no abdome.

02

COMO É FEITA?

Durante o procedimento, o cirurgião remove os excessos de pele e gordura e reaproxima a musculatura local, retificando o abdome.

03

Resultado

O resultado é um abdome plano, com afinamento da cintura e eliminação dos excessos de pele, gordura e estrias. Visando oferecer conforto e discrição, a cicatriz deve ser posicionada na linha do biquíni. A miniabdominoplastia resulta numa cicatriz reduzida.

Para que serve a abdominoplastia?

A abdominoplastia trata as três principais alterações que os pacientes se queixam quando procuram pela cirurgia de abdômen:

No caso da fraqueza muscular, o músculo reto abdominal se abre, gerando ali no centro um ponto de fraqueza por onde as vísceras se insinuam, causando o abaulamento na parede do abdômen que tanto incomoda muitos pacientes, principalmente as mulheres.


Tipos de abdominoplastia

Existem alguns tipos de abdominoplastia muito conhecidos e, para que você entenda as diferenças, nós selecionamos os 4 tipos principais:


Cicatriz da Abdominoplastia

A cicatriz de abdominoplastia se estende lateralmente e fica localizada acima da região dos pelos pubianos. Dessa forma, ela não fica muito aparente e pode ser “escondida” pelas roupas de banho.

O tamanho da cicatriz varia de acordo com o excesso de pele e somente o cirurgião responsável poderá estimar qual será o tamanho exato dela. Geralmente, ela fica centralizada na região da púbis mas, em alguns casos, pode chegar até a lateral da cintura.


Quem pode fazer uma abdominoplastia?

 

Essa cirurgia é indicada para casos específicos, pois tem como objetivo retirar a flacidez da pele e não apenas a gordura localizada. Além disso, esse procedimento também é indicado para fraqueza muscular na região, causada geralmente por gestações.

Resumindo, o procedimento deve ser realizado por pacientes que possuam alterações anatômicas que resultaram em um contorno abdominal abaulado e desproporcional ao restante do corpo. Por isso, vale ressaltar que essa cirurgia não deve ser realizada com fins de emagrecimento.

É preciso destacar também que o tempo de internação da abdominoplastia é de aproximadamente 24 horas e a anestesia, geralmente, é a anestesia peridural, mas também pode ser usada a anestesia geral.


Como é o pós-operatório da abdominoplastia?

Durante o período de recuperação, é recomendável que o paciente utilize uma cinta por 1-­2 meses para maximizar a aderência dos tecidos e acelerar a reabsorção do inchaço.

Os pontos são removidos após aproximadamente 15 dias e o resultado final pode ser apreciado somente com a acomodação total dos tecidos, que ocorre tipicamente após 3-­6 meses. Finalmente, recomendamos o tratamento das cicatrizes durante os primeiros seis meses, visando evitar cicatrizes escurecidas, hipertróficas e quelóides.

As atividades do dia a dia podem ser retomadas aos poucos, mas é recomendado que o paciente evite praticar exercícios físicos intensos e tomar sol diretamente na cicatriz.


Como escolher um médico especialista?

Escolher um cirurgião plástico que realize abdominoplastia pode ser uma tarefa bastante minuciosa, mas que se torna essencial. O primeiro passo é ter o conhecimento de que todo cirurgião plástico precisa ser, obrigatoriamente, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Além disso, se possível, é recomendável que você converse com antigos pacientes, justamente para compreender quais são os procedimentos utilizados pelo profissional, como funciona o acompanhamento e, principalmente, analisar os resultados obtidos pelo médico.

Avaliar com a devida precaução todos esses detalhes antes da cirurgia é muito importante, principalmente para evitar frustrações no pós-operatório e também garantir a sua segurança durante todo o processo da cirurgia.

Para agendar sua consulta na Clínica Landecker, preencha o formulário abaixo ou clique aqui para conversar com a equipe no WhatsApp.

A chave da beleza é a harmonia.

A chave da beleza é a proporcionalidade, ou seja, a harmonia. Nos procedimentos corporais, o peso e a altura sugerem as medidas ideais para implantes mamários, redução mamária, cirurgia de lipoaspiração e cirurgia de abdome. O cirurgião plástico estipula uma margem de formatos e volumes considerando as características de cada um, além das preferências de cada paciente. 

agende sua consulta





    Li e aceito a Política de privacidade e autorizo a Clínica Landecker a utilizar meus dados para contato e envio de conteúdos referentes à cirurgias, estética e saúde.

    É necessário aceitar os termos de Política de Privacidade